Pelo Mundo - Peru

Último post sobre meu giro pela capital peruana!

    Minha dica para sair no sábado a noite são as baladas do Balneário Asia, construído nas praias do circuito sul, ou então  se não quiser ir pra longe, recomendo o Larcomar, onde tanto a Áurea quanto a Gótica sabem divertir. 

         Cassinos.... AHHHH os cassinos... prefiro NEM comentar, apenas, cuidado com eles e procure voltar com pelo menos sua dignidade pra casa, conheci pessoas que, ENFIM.

 

 lucas

Outro restaurante peculiar foi o Bambos, o primeiro fast food peruano que me chamou a atenção pelos lanches bem temperados e também pela vasta opção de molhos (que excede o clássico ketchup e maionese).

          Em Miraflores mesmo, no Parque Kennedy, você encontra um bar brasileiro chamado Media Naranja, onde levei meus amigos peruanos, mas não aconselho pra um turista que fique apenas alguns dias na cidade, pois há muuuuito a ser feito em Lima além de tomar Brahma e comer porções!

 

 Media Naranja - Eu, Fran, Sabbag, Lesly e Rafa

Media Naranja - Eu, Fran, Sabbag, Lesly e Rafa

E eu com certeza terei que voltar a Lima! Infelizmente não consegui visitar várias atrações como o Circuito das Águas e alguns museus como o Museu de Arte Colonial Pedro de Osma, Fundação Museu Amano, Museu Nacional de Arqueologia e Antropologia e Historia do Peru, Museu de la Nación. Também quis MUITO ter feito aula de cozinha peruana, recebi a dica da Angélica Tavares que visitou o Sky Kitchen, mas vai acabar ficando para a minha próxima visita a Lima, na qual também não vou deixar de pular de parapente - há voos diários saindo do Parque do Amor - e ver a cidade de cima.

 

 lucas estevam

 

Lucas Estevam Ferreira é formado em Admnistração e Marketing, Lucas Estevam - 23 anos - é empresário e autor do blog Estevam Pelo Mundo. Membro da RBBV, resolveu tirar o computador da mochila e a câmera do bolso quando partiu para seu terceiro mochilão pelos países bálticos rumo ao Oriente Médio. Fanático por viagens e fascinado por todos os cantos desse mundo, conta aqui histórias, curiosidades, muitas dicas e, claro, um pouco dos “perrengues” que passou pelos quase 60 países visitados.