Implantes imediatos: a solução definitiva para dentes avulsionados

Até pouco tempo atrás, a perda de um dente por acidente ou trauma era um episódio extremamente traumático. Passado o susto da avulsão dentária, a recomendação era de se limpar bem o dente e guardá-lo em um copo de leite ou água, e se dirigir o mais rapidamente possível ao dentista, levando o dente para que o mesmo fosse reimplantado no alvéolo dentário. Essas reimplantações apresentam um bom sucesso no curto prazo. Entretanto, no médio e longo prazo, a grande maioria dos dentes reimplantados apresenta algum tipo de problema, como reabsorções internas ou externas, ou anquiloses, que acabam por condená-los. Algumas vezes, as sequelas desses problemas acabam gerando complicações de difícil solução, mesmo com os implantes, podendo ser necessárias grandes reconstruções com enxertos.

 odontologia
 odontologia

 

Atualmente, houve uma mudança drástica nesta recomendação. Não se deve mais guardar o dente no copo de leite, nem mesmo deve ser tentada a reimplantação do dente, para evitar os problemas futuros que essa reimplantação pode causar!!! O recomendado nos dias de hoje é ir para o consultório dentário o mais rapidamente possível, para a instalação de um implante imediato. O implante imediato é um implante instalado dentro do alvéolo dentário, imediatamente após a perda dentária. Havendo o travamento adequado do implante, poderá ser possível instalar um dente provisório sobre esse implante, imitando da forma mais natural possível o dente perdido.

 odontologia

O implante imediato é uma solução definitiva para o problema do dente avulsionado. Ao contrário do dente reimplantado, que na maioria das vezes terá que ser retratado ao longo do tempo, o implante imediato é um tratamento definitivo, que não exigirá retratamento com o tempo. Portanto, dentro dos conceitos mais atuais de odontologia, dentes avulsionados não devem mais ser colocados em copo de leite e reimplantados! A conduta correta é a realização de um implante imediato. Uma equipe odontológica capacitada irá julgar o melhor implante a ser utilizado, a técnica cirúrgica mais adequada, a necessidade de procedimentos complementares, como enxertos ósseos ou enxertos de tecido conjuntivo simultâneos à realização do implante, e a melhor estratégia de carregamento do implante, se em carga imediata, com a instalação imediata de um dente provisório, ou se em carga tardia, com a confecção de um provisório adesivo, colado nos dentes vizinhos. Tudo isso visando um resultado estético e funcional mais natural possível, que se mantenha estável no longo prazo. 

 odontologia
 abilio coppedê

 

Dr. Abílio Coppedê é Cirurgião-Dentista, Mestre e Doutor em Reabilitação Oral pela FORP-USP, Pós-Doutorando em Implantodontia pela UnG, Pós-Graduado em Cirurgia Avançada pelo IAP - São Paulo, Coordenador do Curso de Especialização em Implantologia pela ABO-Campinas, Professor do Curso em Cirurgia Avançada de Implantes Zigomáticos pela Uningá - Maringá, Coordenador do Livro "Reabilitando Maxilas Atróficas Edêntulas Sem Exertos Ósseos" pela Quintessence Internacional, Autor de diversos Artigos Científicos Internacionais e Nacionais, Autor de diversos Capítulos de Livros Científicos na área de Implantodontia, Membro da Sociedade Brasileira de Reabilitação Oral, Membro da Academia Brasileira de Osseintegração.

Coordenador do Departamento de Reabilitação Oral da Clínica Odontológica Sculpere Odontologia e Arte- Campinas (www.sculpere.com.br).