Saúde da Gengiva: O segredo para uma dentição saudável para toda a vida!!

A gengiva é um dos componentes de um intrincado sistema de suporte dos dentes, denominado de periodonto, que envolve também o osso alveolar, que envolve os dentes nas arcadas, e o ligamento periodontal, que une os dentes ao osso alveolar. A saúde do periodonto é fundamental para a saúde dos dentes, pois as doenças do periodonto culminam em uma condição conhecida como Doença Periodontal, que tem como consequência a degradação do suporte dentário, podendo levar à perda do dente acometido, ou em casos mais graves, de todos os dentes da boca.

Nos dias de hoje, com a diminuição da ocorrência de cáries na população, a doença periodontal constitui a maior causa de perdas dentárias na população adulta! Portanto, para que seja possível manter uma dentição saudável por toda a vida, é fundamental que haja um controle muito eficaz da doença periodontal.

 

 abílio

Os problemas periodontais têm causas multifatoriais. A predisposição genética exerce forte influência no acometimento da Doença Periodontal, isto é, pessoas que possuem a predisposição genética para terem Doença Periodontal sempre terão maior susceptibilidade à desenvolvê-la do que pessoas que não possuem essa predisposição. Portanto, se existe histórico familiar de Doença Periodontal, maior atenção deve ser dada à manutenção da saúde da gengiva.

Além da predisposição genética, outro fator de grande importância na evolução dos problemas periodontais é a higienização. A correta higienização caseira, realizada pelo próprio indivíduo, e o controle profissional da placa bacteriana, realizado em visitas periódicas ao dentista, são fatores primordiais para impedir o avanço das doenças periodontais.

 abílio

 

 

O início da doença periodontal é conhecido como gengivite, e consiste na inflamação da gengiva pelos fatores agressores presentes na placa bacteriana. A gengivite se caracteriza principalmente pelo sangramento e pelo inchaço da gengiva. Sempre que for notado inchaço ou sangramento da gengiva, não deixe de procurar um dentista para receber o correto aconselhamento de como proceder para reverter o quadro de gengivite.

Se não for controlada, a gengivite pode evoluir para doença periodontal. Nesta fase, começam a ocorrer danos no osso alveolar e no ligamento periodontal. Essa fase da doença se caracteriza pela presença de cálculos aderidos à superfície dentária (tártaros), de mau hálito, gosto ruim na boca e possivelmente pela mobilidade acima do normal dos dentes acometidos pela doença, além de sangramento e inchaço da gengiva. Se não controlada, a doença periodontal pode culminar na mobilidade excessiva dos dentes afetados, causando a perda dos mesmos.

Não existe cura da doença periodontal. Assim como ocorre em outros quadros crônicos como a diabetes, é absolutamente primordial que a doença seja controlada, para que seus efeitos adversos não progridam. Todo dano realizado pela doença é potencialmente irreversível: ainda não existem técnicas previsíveis de regeneração do osso alveolar e do ligamento periodontal destruídos pela doença periodontal. Se a destruição das estruturas periodontais for severa, o tratamento provavelmente incluirá a extração dos dentes afetados e substituição por implantes dentários. Porém se ela fica controlada, os danos não avançam, e torna-se possível conviver com ela naturalmente, sem maiores consequências. Somente o dentista poderá indicar qual a melhor estratégia de controle e manutenção será a melhor para ser adotada em cada caso em particular, pois a doença age de maneira distinta nas diferentes pessoas.

 abílio

 

Cuide com carinho de sua saúde gengival! Gengivas saudáveis representam a preservação da dentição natural por toda a vida! É portador de doença periodontal? Procure um centro odontológico capacitado em oferecer os melhores e mais modernos tratamentos reabilitadores para portadores de doença periodontal, para restabelecer a saúde e a função mastigatória. 

 abílio
 abílio copeedê

Dr. Abílio Coppedê é Cirurgião-Dentista, Mestre e Doutor em Reabilitação Oral pela FORP-USP, Pós-Doutorando em Implantodontia pela UnG, Pós-Graduado em Cirurgia Avançada pelo IAP - São Paulo, Coordenador do Curso de Especialização em Implantologia pela ABO-Campinas, Professor do Curso em Cirurgia Avançada de Implantes Zigomáticos pela Uningá - Maringá, Coordenador do Livro "Reabilitando Maxilas Atróficas Edêntulas Sem Exertos Ósseos" pela Quintessence Internacional, Autor de diversos Artigos Científicos Internacionais e Nacionais, Autor de diversos Capítulos de Livros Científicos na área de Implantodontia, Membro da Sociedade Brasileira de Reabilitação Oral, Membro da Academia Brasileira de Osseintegração.

Coordenador do Departamento de Reabilitação Oral da Clínica Odontológica Sculpere Odontologia e Arte- Campinas (www.sculpere.com.br).