Celebridades surtadas

Imagino como deve ser difícil para uma celebridade pré-adolescente que está começando a formar uma identidade, ter que administrar tão cedo fama e dinheiro, saber dar valor às coisas, diferenciar o certo e o errado, identificar quem se aproxima por interesse e os problemas que essa pressão psicológica pode causar pelo excesso de responsabilidade.

Não é à toa que alguns desses artistas no momento em que começam a crescer, não dão conta da situação e surtam mesmo, protagonizando barracos bizarros como os de Britney Spears em 2007, quando a cantora pop raspou a cabeça e depois quebrou a janela de um carro com o guarda-chuva após ser fortemente assediada pelos paparazzi; ou, então, as inconstantes da atriz Lindsay Lohan, que vive entre tribunais por causa de inúmeros problemas com a justiça e clínicas de habilitação para tratar o alcoolismo e uso de substâncias ilícitas.


 britney

Um caso mais recente foi o da sobrinha de Júlia Roberts, Emma Roberts, presa por agredir seu namorado, o ator Evan Peters, em um hotel. O rapaz estava com o nariz sangrando e tinha marca de mordida causado por ela. A atriz foi liberada horas depois porque Evan não quis prestar queixa. Consta que os dois já voltaram a namorar e atualmente trabalham juntos na série American Horror Story.

Quem também anda perdendo a noção das coisas é o cantor Justin Bieber flagrado no começo deste ano, urinando no balde de limpeza usado para guardar esfregões em um restaurante em Nova York, quando ele e seus amigos estavam saindo pela porta dos fundos. Não satisfeito, ele ainda subiu uma escada e espirrou algum produto de limpeza na foto do ex-presidente norte-americano Bill Clinton, dizendo “f***-se o Bill Clinton”. Toda a ação foi filmada e divulgada pelo site especializado em celebridades TMZ.

 


Essa não é a única mancada do cantor. Sua imagem de bom moço está bem comprometida por causa de inúmeras idas e vindas (e muita briga) no namoro com Selena Gomes, multas por dirigir em alta velocidade, fotos com um cigarro supostamente de maconha, adotar e abandonar um macaco por falta de documentação necessária, cuspir em fãs da sacada de um hotel e inúmeras confusões envolvendo paparazzi e fotógrafos (além de sempre mostrar o dedo médio, ele já perseguiu um fotógrafo ao sair de um shopping e ameaçou de morte outro, ao deixar hotel em Londres). Em agosto, ficou tão transtornado por ter sido assediado por uma fã na área VIP de uma boate, que rasgou a própria camisa e se meteu numa briga que teve até feridos.


 Bieber

Triste também é a situação da atriz, cantora e apresentadora do canal Nickelodeon, Amanda Bynes. Eleita em 2006, uma das celebridades mais poderosas pela revista Forbes, hoje circula por Nova York praticamente irreconhecível.

Após ser presa por bater alcoolizada em uma viatura e fugir do local, a atriz vem cometendo uma série de atitudes polêmicas inclusive nas redes sociais em que constantemente publica mensagens sem sentido, ofende outros artistas e posta fotos de topless. Até seu cão foi vítima de suas atitudes insanas em que ela, acidentalmente, colocou gasolina nele que, por sorte, saiu ileso.

De acordo com o jornal Daily Mail, o próprio agente da atriz, Jonathan Jaxson, chamou a polícia no fim de maio, quando a artista foi presa ao ser pega fumando maconha no saguão do prédio em que mora. Nesse dia, após arremessar um bong (aparelho utilizado para fumar ervas) pela janela, ela foi obrigada a passar por uma avaliação psicológica no hospital. “Ela disse que não queria mais viver. Eu pensei: tenho que fazer alguma coisa para salvá-la”, revelou o agente. E precisa mesmo, pois em julho ela foi expulsa do hotel Ritz Carlton em Nova York, por uso de drogas em seu quarto e destratar os funcionários.


 amanda

Segundo a própria atriz, há uma Amanda boa e uma Amanda má. ”Quando ela fala sobre a má quase imita uma sessão de exorcismo, repuxando seu corpo como se fosse expulsar o demônio e chega até mesmo a morder a si mesma”, disse uma fonte com conhecimento da situação. E acrescenta que ao que parece, a atriz está sofrendo de uma doença mental grave com sinais de bipolaridade e esquizofrenia.

Infelizmente, estas atitudes veem se repetindo cada vez mais no mundo do entretenimento. Não devemos acreditar que o “uso de drogas” e “problemas mentais” sejam os únicos culpados. Há algo muito mais preocupante de um processo psicológico profundo e a mídia tem que parar de uma vez por todas de encarar isso como uma piada como vem fazendo.


 amanda

Usando um lençol sobre o corpo para se esconder dos paparazzi, Amanda foi levada de cadeira de rodas para a ala psiquiátrica do hospital de Los Angeles, nos Estados Unidos, em que está internada para uma reabilitação por ordem judicial.

 


 Milena Baracat

Milena Baracat é formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). 

Atualmente atua com profissionais  no desenvolvimento, tratamento de acervos, informatização e tecnologia da informação aplicada para bibliotecas particulares e privadas.