Férias: Vamos desacelerar e simplesmente curtir

Com as férias escolares se aproximando, muitas mães já iniciam a busca por atividades e programas de férias com o intuito de entreterem as crianças durante este período. Mas o assustador são casos em que as crianças, mesmo em suas férias, perdem seu tempo livre, possuindo uma agenda carregada de atividades extracurriculares, passeios impostos pelos pais, visitas à casa de amigos... Enfim, sobrando pouco tempo livre.

O inacreditável, que o termo “tempo livre” vem sendo associado à “perda de tempo”, isso porque, vivemos hoje um momento em que mães e pais trabalham fora de casa e sentem a pressão do aperfeiçoamento e aprendizado constante para manterem-se em seus cargos, estes medos e frustrações são passados na educação de seus filhos.

 Mas lembrem-se as crianças estão em outro momento da vida, na infância, e nesta fase o brincar e o tempo livre são muito importantes para o desenvolvimento infantil, e o valor da brincadeira não pode ser subestimado. Pesquisas mostram que brincar tem três grandes objetivos para as crianças: o prazer, a expressão dos sentimentos e a aprendizagem.

 O importante é o brincar, e não o brinquedo. É possível improvisar brinquedos com materiais reciclados que estejam à mão. Situações de improviso são as mais divertidas e de maior aprendizagem para a criança. Neste caso ela terá de criar brinquedos e situações novas em sua mente, estimulando a criatividade e a imaginação.

 E infelizmente estas características, estão cada vez mais raras nas crianças, facilmente observamos cada vez mais crianças que não sabem criar ou simplesmente brincar sozinhas, isso porque muitos pais costumam brincar durante todo o tempo com seus filhos, volto a dizer, não os deixando tempo livre para se desenvolverem e se descobrirem sozinhos.

 Nestas férias, vamos curtir com naturalidade, sem grandes programações, buscando desacelerara a si mesmo e consequentemente a criança, aproveitando pequenos momentos, como ver o por do sol abraçado com seu filho sem pressa de desgrudar. Momentos que ficam guardados na memoria e não nos porta-retratos, momentos que nos darão força para iniciar o próximo ano. 

Carla Domingues

Gestação/Materninadade

35 anos, mãe de 3 meninas e Consultora Materna. A 5 anos mergulhei no universo da maternidade, por qual sou loucamente apaixonada e venho com muito prazer realizando Consultorias Maternas a Domicilio e Cursos, podendo assim colaborar com as gestantes e mamães a superar e principalmente a curtir este momento único em suas vidas. Blog: http://papodemaeparamae.blogspot.com.br - Facebook: https://www.facebook.com/papodemaeparamae - Instagram: @papodemaeparamae - email: papodemaeparamae@ig.com.br