Crítica de cinema por Vicente Neto - Filmes: Entebbe (7 dias em Entebbe) e Gringo (Gringo: vivo ou morto)

Entebbe (Título em Português: “7 Dias em Entebbe”)

entebbe-poster.jpg

Pouco (ou nada) sabia sobre o caso retratado neste filme. Por ser o novo filme do José Padilha, fiquei curioso.

Baseado nos fatos ocorridos em julho de 1976, o voo da Air France de Tel Aviv à Paris foi sequestrado e forçado a pousar em Entebbe, na Uganda. Os passageiros judeus foram mantidos reféns para ser negociada a liberação dos terroristas e anarquistas palestinos presos em Israel, na Alemanha e na Suécia. O governo israelita decide organizar uma operação de resgate, atacar o local  onde estão os sequestradores (antigo terminal do aeroporto de Entebbe) e soltar os reféns.

Nada além de interessante. Foi bom para saber mais sobre o caso, mas é daqueles filmes que você assiste, e dias depois, pouco se lembra.

Gringo (Título em Português: “Gringo: Vivo ou Morto”)

gringo-poster.jpg

O filme me atraiu pelo elenco (Charlize Theron) e o estilo do cartaz me chamou a atenção. Fui ver mas com pé atrás...

Harold Soyinka trabalha para a Promethium, uma empresa farmacêutica de Chicago que desenvolveu o Cannabax, um remédio revolucionário à base de maconha. Quando é enviado para o México para entregar a fórmula do medicamento ao laboratório que o vai produzir, pensa ter encontrado a oportunidade de provar o seu valor na empresa.

Porém, ele descobre que a empresa seguirá em frente com uma fusão com outra gigante da área, e seu emprego está por um fio. Seu amigo e dono da empresa, Richard, e sua sócia Elaine (Charlize), negam tal informação, mas Harold descobre a verdade.

Assim, ele acaba fingindo que foi sequestrado, para tentar arrancar algum dinheiro de Richard, já que está prestes a quebrar. Só que nem tudo é assim tão simples!

Até que foi melhor do que eu esperava. Sim, tem alguns momentos de “piada” que tentaram fazer o filme ficar engraçado, que não funcionaram, mas no geral, é um filme divertido. Recomendo assistir sem grandes expectativas.

Vicente.jpg

Vicente Neto

Coluna Crítica de Cinema

Engenheiro que, desde pequeno, é apaixonado por cinema. Procura assistir a todos os filmes possíveis na telona e, se deixa escapar, assiste em DVD. Costuma sempre ver o lado bom de cada filme que assiste, mesmo se este não agradar muito. Suas críticas são praticamente uma conversa entre amigos, comentando do filme que assistiu.