Crítica de cinema por Vicente Neto - Filmes: Rocketman, Berlin, I Love You e Dark Phoenix (X-Men: Fênix Negra)

Rocketman

Rocketman.jpg

Fã de Elton John, eu nunca fui. Não faz muito o meu estilo de música... mas sei da importância e talento deste artista. E, claro, não poderia deixar de assistir ao filme que conta a sua história, sendo eu, um fã de filmes biográficos.

 A história de vida e o percurso musical de Elton John (Taron Egerton), desde tempos iniciais de menino prodígio na Royal Academy of Music, até à consolidação da sua longa parceria com o compositor Bernie Taupin, responsável por alguns dos maiores sucessos da música pop do século XX.

 Já gostava do Taron, mas agora, depois desta atuação, ele subiu ainda mais em meu conceito. O filme vale muito pela atuação dele, e pra quem é fã de Elton, um prato cheio.

 Berlin, I Love You (Título em Português: “Berlim, Eu Te Amo”)

Berlin (1).jpg

Mais um da franquia, da qual, acho que só assisti um. Mas quando assisti ao trailer, me interessei em assistir, não só pela cidade de Berlim, mas por alguns atores do elenco.

 O mais recente filme do franquia ‘Cidades do Amor’ (“Paris, Je t’Aime”, “New York, I Love You” e “Rio, Eu Te Amo”), este é composto por dez histórias de romance ambientadas na capital alemã.

 Filme bonitinho e algumas histórias bem interessantes. Água com açúcar, me vale ver na TV.

 Dark Phoenix (Título em Português: “X-Men: Fênix Negra”)

X-Men-Dark-Phoenix.jpg

20 anos após o primeiro filme da saga X-Men, os filmes ficam cada vez melhores (especialmente seus efeitos visuais) e muita história ainda deve vir pela frente.

Durante uma arriscada missão de resgate no espaço, Jean Grey é atingida por uma força cósmica que a transforma no mais poderoso mutante de todos.

Enquanto tenta conter a instabilidade desse poder, e também lidar com seus próprios problemas do passado, Jean perde o controle, quebrando os laços da família X-Men e ameaçando destruir o planeta. 

Foi muito interessante para conhecer a origem da personagem Jean Grey. Imperdível para quem é fã da franquia, e é um excelente filme de ação, para quem sequer assistiu aos anteriores. Recomendo sem medo.

Vicente.jpg

Vicente Neto

Coluna Crítica de Cinema

Engenheiro que, desde pequeno, é apaixonado por cinema. Procura assistir a todos os filmes possíveis na telona e, se deixa escapar, assiste em DVD. Costuma sempre ver o lado bom de cada filme que assiste, mesmo se este não agradar muito. Suas críticas são praticamente uma conversa entre amigos, comentando do filme que assistiu.