Transtorno Bipolar: superando preconceitos - Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

Transtorno Bipolar: superando preconceitos - Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

download.jpg
download+(2).jpg

Leticia Kancelkis

Coluna Psicologia

Formada em Psicologia desde 1999, Mestre e Doutora em Psicologia Clínica de referencial Psicanalítico pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas). Autora dos livros: “O Sol Brilhará Amanhã: Anuário de uma mãe de UTI sustentada por Deus” e “Uma menina chamada Alegria”. Atua como Psicóloga Clínica, atendendo também por Skype. Contato: leticia.ka@hotmail.com

Você ama quem não ama você? Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

Você ama quem não ama você? Confiram vídeo do you tube de Letícia Kalncelkis psicóloga

post.png


download+(2).jpg

Leticia Kancelkis

Coluna Psicologia

Formada em Psicologia desde 1999, Mestre e Doutora em Psicologia Clínica de referencial Psicanalítico pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas). Autora dos livros: “O Sol Brilhará Amanhã: Anuário de uma mãe de UTI sustentada por Deus” e “Uma menina chamada Alegria”. Atua como Psicóloga Clínica, atendendo também por Skype. Contato: leticia.ka@hotmail.com

Cyberbullying! Ele pode matar - Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

Cyberbullying! Ele pode matar - psicologia por Letícia Kancelkis

download.jpg
download (1).jpg

Leticia Kancelkis

Coluna Psicologia

Formada em Psicologia desde 1999, Mestre e Doutora em Psicologia Clínica de referencial Psicanalítico pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas). Autora dos livros: “O Sol Brilhará Amanhã: Anuário de uma mãe de UTI sustentada por Deus” e “Uma menina chamada Alegria”. Atua como Psicóloga Clínica, atendendo também por Skype. Contato:leticia.ka@hotmail.com

O Pequeno Príncipe e relacionamentos - Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

O Pequeno Príncipe nos ensina sobre relacionamentos, dicas da Psicóloga Letícia Kancelkis

Cópia de Xoxo.png
download.jpg

Leticia Kancelkis

Coluna Psicologia

Formada em Psicologia desde 1999, Mestre e Doutora em Psicologia Clínica de referencial Psicanalítico pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas). Autora dos livros: “O Sol Brilhará Amanhã: Anuário de uma mãe de UTI sustentada por Deus” e “Uma menina chamada Alegria”. Atua como Psicóloga Clínica, atendendo também por Skype. Contato:leticia.ka@hotmail.com

Me separei e meu filho quis ficar com o pai - Coluna Psicologia por Letícia kancelkis

Me separei e meu filho quis ficar com o pai - Coluna Psicologia por Letícia Kancelkis

baby_2942425b.jpg

Sou separada e meu filho quis ficar com o pai

Você se separou e seu filho quer ficar com o pai? Está doendo seu coração?  Aceita umas dicas para lidar com isso? A primeira delas é: Evite falar mal do pai do seu filho, por mais que você ache que seja verdade tudo o que falaria. Sei que você pode estar muito ferida, mas falar mal dele só vai machucar ainda mais seu filho e ele tende a se afastar de você; a segunda: ligue para seu filho diariamente, pergunte a ele como está, o que está fazendo, como foi seu dia. Se tiver oportunidade, encontre-se com ele durante a semana também que seja  para um sorvete. Entendo que você pode estar se sentindo rejeitada por ele, mas considere que ele é muito novo para compreender tantas coisas, talvez tantas brigas, talvez tantas ausências involuntárias. Terceira dica: não cobre dele que aceite seus convites ou que esteja mais presente na sua vida, mas faça-se presente na dele o máximo possível; continue colocando limites sempre, buscando  escutá-lo e acolhê-lo; quarta dica: lembre-o frequentemente do quanto você o ama e quer vê-lo feliz e realizado. Busque leveza na relação entre vocês, evitando discussões. Não vai ser com gritos ou repetições das mesmas orientações ou ordens que você vai ter resultados, a não ser um afastamento ainda maior.

 

download.jpg

Leticia Kancelkis

Coluna Psicologia

Formada em Psicologia desde 1999, Mestre e Doutora em Psicologia Clínica de referencial Psicanalítico pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC Campinas). Autora dos livros: “O Sol Brilhará Amanhã: Anuário de uma mãe de UTI sustentada por Deus” e “Uma menina chamada Alegria”. Atua como Psicóloga Clínica, atendendo também por Skype. Contato:leticia.ka@hotmail.com