“Experiência espiritual e a relação mente-cérebro”

É o tema a ser apresentado pelo professor dr. Alexander Moreira-Almeida durante evento que unirá Ciência e Religião em Brasília

 

Professor de Psiquiatria da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), o doutor Alexander Moreira-Almeida é um dos palestrantes da próxima edição do Fórum Mundial Espírito e Ciência, da Legião da Boa Vontade (LBV), que ocorrerá no dia 18 de outubro (sexta-feira), das 8 às 18 horas, em Brasília/DF. Fundador e diretor do Núcleo de Pesquisa em Espiritualidade e Saúde (Nupes), ele abordará o tema "Experiência espiritual e a relação mente-cérebro".

 

Em recente entrevista à Super Rede Boa Vontade de Comunicação (Rádio, TV, internet e publicações), o coordenador das seções em espiritualidade e psiquiatria da Associação Mundial de Psiquiatria e da Associação Brasileira de Psiquiatria destacou sua linha de pesquisa, especialmente suas contribuições para o fomento do debate na área.

 

No início da entrevista, o professor dr. Alexander fez questão de reconhecer a atuação pioneira do Fórum Mundial Espírito e Ciência, da Legião da Boa Vontade: “Primeiramente, queria parabenizar a LBV, que, há muitos anos, tem um caráter, dá ênfase na aproximação e no diálogo entre Ciência e Religião. Este fórum é um exemplo. A LBV antecipou, por um bom tempo, essa tendência que existe atualmente”.

 

Também aproveitou a oportunidade para convidar todos a comparecer ao evento: “Fica aí [o convite, porque] virão vários outros pesquisadores do Brasil e do exterior, pessoas trazendo trabalhos bastante interessantes e de ponta na área da Espiritualidade e da Ciência; elas estarão presentes no Fórum da LBV. Então, realmente todos estão convidados a ir a Brasília para assistir e participar conosco”.

 

As inscrições são limitadas. Acesse  www.forumespiritoeciencia.org e garanta já o seu ingresso.

O lazer como fator preventivo de doenças por Legião da Boa Vontade


Os aprendizes da Boa Vontade participaram de atividade que promoveu a reflexão sobre a importância de exercícios físicos e de lazer para a manutenção da saúde física e mental.

Aprendiz da Boa Vontade 2.jpg

Visando projetar suas marcas e serviços no mercado, as empresas procuram manter seus ambientes corporativos com um alto índice de competitividade. Porém, pessoas jurídicas devem se manter sempre atentas, evitando exageros que podem causar o esgotamento dos colaboradores internos cobrados por tais responsabilidades.

Essa exaustão, geralmente ocasionada pelos excessos, denomina-se Síndrome de Burnout, que se trata de um distúrbio psíquico com sintoma de estresse resultante de situações de trabalho desgastantes e que reflete diretamente na saúde mental e física do profissional, prejudicando o desempenho da sua função dentro da organização.

Pensando em promover reflexões sobre como buscar o equilíbrio entre mente, corpo e trabalho, a Legião da Boa Vontade (LBV) ofereceu uma atividade diferenciada aos jovens que integram o programa Aprendiz da Boa Vontade (PABV). Na ocasião, o grupo visitou o Bosque dos Jequitibás, um local de muita natureza.

Dentro do módulo 'Saúde e Segurança', aprendido no curso, a instrutora de aprendizagem, Luciana Bozzi de Andrade, apresentou diversos conteúdos com foco na prevenção de doenças, a partir da prática regular de exercícios físicos e de lazer. No passeio, o grupo se dividiu em duplas, onde puderam compartilhar leituras de textos sobre o assunto e ainda elencar alguns pontos práticos para fugir do esgotamento profissional.

Para a jovem Bianca, fugir da rotina é um passo primordial para se manter sempre saudável e com ânimo para estar bem com o ambiente corporativo: "A atividade diferenciada foi muito boa, trouxe mais leveza para o meu dia. Consegui perceber que é preciso mudar hábitos, o que favorece uma melhor qualidade de vida", comentou.

Posteriormente às leituras, houve um bate-papo coletivo, onde cada participante teve a oportunidade de expor seus pensamentos sobre como buscar alternativas para manter a harmonia para consigo mesmo (a).

Na oportunidade, o jovem João Vitor contextualizou positivamente a iniciativa da LBV: "Respirar ar puro, tomar sol e perceber o efeito benéfico da natureza em nossas vidas. A prática de atividades físicas e o contato com a natureza ajudam muito a manter a saúde mental e física".

Portanto, está em nossas mãos diminuir o estresse e saber lidar com a pressão no trabalho. Dentro das dicas pontuadas pelo grupo, aqui vão algumas delas:

- Participar de atividades de lazer com amigos e familiares;
- Conversar com alguém de confiança sobre o que está sentindo;
- Fazer atividades físicas regularmente;
- Evitar o consumo de bebidas alcóolicas, tabaco e drogas, pois potencializam a confusão mental;
- Não se automedicar, mas procurar a ajuda de um profissional.

Viu só? Capacitar mental, emocional e profissionalmente adolescentes e jovens que buscam ocupar uma vaga no mercado de trabalho, de maneira que sejam bons profissionais, é resultado da sua imprescindível ajuda, amigo(a) colaborador(a).

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Acesse o site www.lbv.org e conheça essa e outras iniciativas socioeducacionais realizadas pela Instituição em todo Brasil.

LBV mobiliza a sociedade em prol do brincar e da prática esportiva para crianças e jovens

 

A Legião da Boa Vontade (LBV) está realizando mais uma edição de sua campanha Eu ajudo a mudar!, iniciativa que tem o objetivo de mobilizar as pessoas para que contribuam para a manutenção das ações e dos programas socioeducacionais promovidos pela Instituição em todo o Brasil.

Eu Ajudo a Mudar_ed 2019_brincar_02.jpg

 

Na edição deste ano, a campanha destaca a importância do esporte e do brincar saudável na vida diária de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social. A LBV acredita que essas práticas devem ser constantemente incentivadas a fim de que colaborem para fortalecer o protagonismo infantojuvenil, para garantir a proteção dos direitos desse público e para fomentar bons valores, entre os quais a solidariedade, o respeito, a união, a disciplina, a responsabilidade e o companheirismo.

 

As atividades esportivas e lúdicas na infância, por exemplo, colaboram para o desenvolvimento de aspectos físicos e motores, sociais, afetivos e cognitivos. Também despertam, entre outros benefícios, a criatividade, a imaginação, a capacidade de resolver problemas, a expressar sentimentos, a respeitar os colegas e auxilia no controle da ansiedade e na socialização.

 

Para que milhares de crianças, adolescentes e jovens tenham esses direitos assegurados, a Solidariedade faz toda a diferença. Por isso, a Legião da Boa Vontade convida a todos a fazer parte dessa iniciativa integrando o time da campanha Eu ajudo a mudar.  

 

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Acesse: www.lbv.org. Siga, curta e compartilhe as ações da Instituição nas redes sociais no endereço: LBVBrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Período de férias: hora de colorir mais!

Durante as férias escolares, os atendidos pelo programa Criança: Futuro no Presente! podem optar por continuar participando das atividades oferecidas pela LBV.

lbv.jpg

O mês de julho é tempo de férias escolares. É hora de dar uma pausa nas tarefas de português, matemática, ciências, história... Artes? Na escola sim, mas não em outros ambientes, pois desenhar e colorir são algumas das atividades preferidas do público infantojuvenil. Essas práticas são algo intrínseco na vida de crianças e adolescentes. Percebe-se que, logo nos primeiros anos de existência, traçar linhas e formas é algo atrativo para o infante, seja com lápis no papel ou com um graveto na areia.

Na escola, quando a professora determina afazeres com desenho livre, é uma alegria que só! Já fomos crianças e sabemos dessa realidade. Porém, essa atividade se restringe apenas a momentos de diversão? Para os educadores, o esforço vai muito além. A tarefa ajuda no desenvolvimento da coordenação motora, no despertar do senso crítico, amplia a criatividade e ainda trabalha a imaginação dos participantes.

Consciente dos benefícios dessa atribuição, a Legião da Boa Vontade (LBV) inclui constantemente esse tipo de afazer na grade de atividades socioeducativas de meninas e meninos atendidos pelo Criança: Futuro no Presente!.

A educadora social Jane Paiva Norberto, integrante da unidade II da LBV, em Campinas/SP, destaca outros aspectos positivos propiciado pelas atividades artísticas: "Desenhar e colorir possibilita a percepção espacial, reforça o sentimento de respeito, sem contar que o momento permite que expressem seus sentimentos, criando novos vínculos e fortalecendo os já existentes", afirma.

No mês de julho, atividades com desenho e pintura são intensificadas na Oficina de Arte e Cultura. Por conta da pausa no período escolar, os Centros Comunitários de Assistência Social da Instituição adotam características semelhantes a uma colônia de férias.

Nesse tempo, a equipe social da LBV monta um cronograma contendo as atividades mais legais, segundo a concepção das crianças e dos adolescentes atendidos. Dentre jogar bola, fazer bolhas de sabão e pular corda, desenhar e colorir também estão no ranking de melhores afazeres.

Dinâmicas em grupo também são realizadas e constituem momentos para inventar histórias, questionar a lógica dos traços e linhas, falar coisas engraçadas, porém, sempre de maneira muito saudável, ao passo que os educadores sociais acompanham o perfil de interatividade entre os participantes.

Vale destacar que na LBV todas as ações voltadas para o público infantojuvenil são norteadas pela Pedagogia do Afeto (destinada a crianças de até os 10 anos de idade) e pela Pedagogia do Cidadão Ecumênico (aplicada àqueles que têm a partir dos 11 anos de idade), linha educacional criada pelo diretor-presidente da LBV, o edu­cador Paiva Netto.

A proposta da Pedagogia da Boa Vontade é que se some aos valores espirituais, éticos e ecumênicos, o saber intelectual para que haja maior enriquecimento do conteúdo pedagógico oferecido.

Visite, apaixone-se e ajude a LBV! Em Campinas/SP, a unidade I da LBV está localizada na Rua Professora Maria Cecília Tozzi, 391 - Vila Rica. Contato pelo telefone: (19) 3227-3888. E a unidade II da Instituição localiza-se na Rua Nelson Barbosa da Silva, 289 - Jd. Profilurb. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone: (19) 3224-3033.

Diretoria do UFC Brasil e América Latina visita Escola da LBV em São Paulo

O diretor de Operações do UFC Brasil e América Latina, Philippe Menezes, e o produtor operacional Adilson Silva visitaram, na última segunda-feira (24/6), o Conjunto Educacional Boa Vontade (formado pela Supercreche Jesus e pelo Instituto de Educação José de Paiva Netto), que fica na Av. Rudge, 630 e 700, Bom Retiro, São Paulo/SP.

Philippe Menezes do UFC em visita ao IEJPN 24Jun2019a.jpeg

 

Enquanto percorriam os ambientes da unidade escolar da Legião da Boa Vontade, recebiam o abraço das crianças e dos jovens. Eles também conheceram a sala de caratê, onde puderam observar os alunos numa demonstração do kata, uma luta imaginária, e de movimentos básicos do caratê.

 

Na ocasião, Philippe Menezes agradeceu o apoio da LBV na ação do UFC Social a outras entidades e destacou sua visita à Instituição: “Muito obrigado por nos receberem aqui. Estamos muito felizes com a parceria com a LBV. Vocês estão de parabéns com esse projeto nobre e emocionante. Ao longo desses 6 anos, já arrecadamos mais de 80 toneladas [de alimentos]; já ajudamos mais de 5 mil famílias e, nesse tempo, identificamos várias instituições que usam a arte marcial como ferramenta de inclusão. E a gente dá esse apoio para as instituições. O esporte tem renascido com essas instituições pelo Brasil. (...) Tanto a música quanto o esporte são ferramentas muito fortes de inclusão social, e a LBV está de parabéns!”.

 

A professora e diretora do Conjunto Educacional da LBV, Suelí Periotto, comentou que as crianças e os jovens têm, graças à educação de qualidade que é oferecida nas escolas da Instituição, “uma porta diferenciada para o seu futuro e para a sua família. O esporte, especialmente o caratê, é um caminho seguro. (...) Assim nós temos a certeza de que o futuro acadêmico deles terá sempre essa presença forte do esporte”, destacou.

 

Em todas as unidades socioeducacionais da LBV pelo Brasil, o esporte é utilizado como ferramenta para promover a inclusão social de crianças e jovens. No Rio de Janeiro, por exemplo, o Centro Educacional José de Paiva Netto, em Del Castilho, também possui uma sala de artes marciais. As aulas de caratê contribuem para o desenvolvimento físico e cognitivo, reforça valores importantes, como espírito de equipe, companheirismo, disciplina, união, entre outros, e ainda colabora para formar cidadãos mais conscientes e engajados socialmente, para que possam construir um futuro melhor.

 

Campanha educativa da LBV

Desde a década de 1970, a LBV incentiva a prática esportiva e promove a paz nos esportes por meio de sua pioneira campanha Esporte é Vida, não violência! Saiba mais acessando o site www.lbv.org.