O inverno pede sopa! Coluna Gastronomia por Chef Alê Lembo

O inverno chegou e com ele as noites mais frias. Nessa época do ano geralmente o nosso apetite aumenta proporcionalmente à preguiça de praticar atividades físicas né? Sem contar que as comidas mais apetitosas, e que ajudam esquentar o nosso corpo (fondue, sopas, massas, pizzas, lasanha, chocolate quente), por vezes são as mais calóricas!

sopa.jpg

 Não se sinta culpado, afinal, é uma tendência natural buscar se aquecer e se alimentar bem. Porém, você pode optar por receitas mais saudáveis e com ingredientes benéficos ao seu organismo. Que tal uma sopa anti-inflamatória?

Mas, antes da receita, quero trazer um pouco da história da sopa. Você conhece?

 Ela se inicia bem antes do que podemos imaginar. Pesquisadores dizem que a sopa é o alimento mais antigo do mundo, surgindo mesmo antes do fogo. As primeiras eram frias, consistiam em carne e legumes triturados, misturados à água. Quando o homem descobriu o fogo e o processo de cozimento, as sopas foram ganhando espaço no cardápio da humanidade, tendo diferentes registros de receitas por todo mundo.

 Durante a Idade Média, as sopas, de fato, ganham notoriedade, não só nas abadias e mosteiros, como nas casas. Foi o momento em que a medicina reconheceu as suas virtudes terapêuticas e passou a prescrevê-la como remédio, sendo o caldo de galinha o mais indicado. Podemos dizer que essa crença permanece viva até os dias atuais, não é mesmo? Quem nunca recebeu um prato de caldo de galinha quando estava doente?

 Nas famílias mais humildes, ainda na idade média, a sopa era, de longe, o alimento complementar mais importante. O caldo era quase sempre temperado com cebolas e dentes de alho, e aromatizado com  diversas ervas. Quando possível, recebia um pedaço de carne, em geral de porco.

 Foi também, nessa época, que as sopas começaram a aparecer no repertório culinário da nobreza europeia, com caldos fartos em carnes e condimentados com muitas especiarias. Nas mãos dos mais célebres chefs franceses, as receitas se enriquecem e, no século 19, por toda a Europa, as sopas passam a abrir o menu dos jantares dos restaurantes mais renomados.

 É indiscutível que a sopa é um alimento que atravessou séculos e civilizações, mantendo-se nos nossos dias com uma enorme importância social e nutricional. E habitualmente ela traz uma diversidade de alimentos fundamentais ao funcionamento do nosso organismo, com elevado teor de vitaminas, minerais, antioxidantes, fibras e água. E pela presença de fibras somadas à temperatura a que geralmente é consumida, a sopa traz saciedade, com consequente regulação do apetite. Não resta a menor dúvida de que a sopa é, disparada, a melhor opção para as noites mais frias!

 Então vamos às receitas?! Sim, são três! A primeira é do caldo de legumes caseiro, que você deve criar o hábito de preparar em casa para substituir o industrializado! A segunda receita é da Sopa Creme de Abóbora anti-inflamatória, servida com sementes crocantes, a nossa terceira receita.

 Tenho certeza que as suas noites frias nunca mais serão as mesmas!

 

Caldo de Legumes:

 1 talo de salsão

1 cebola grande

1 cenoura grande

1 talo de alho poró

2 folhas de louro

3 cravos da índia em flor

3 litros de agua filtrada

 

Modo de preparo:

 Cortar a cebola, o salsão, a cenoura e o alho poro em pedaços médios, sem perfeição. Adicionar todos os ingredientes na panela, ligar o fogo baixo e cozinhar o caldo por aproximadamente 40 minutos. Desligar o fogo e se possível deixar descansar por no mínimo 30 minutos. Coar e guardar o caldo em potes de vidro ou congelado em forminhas de gelo. Ele dura três dias refrigerado e três meses congelado.

 

Sopa – Anti-inflamatória creme de Abóbora

 ½ abóbora japonesa descascada e cortada em cubos médios

2 colheres de sopa de azeite

1 dente de alho

1 cebola picada

6 xícaras de caldo de legumes caseiro ou água

1 colher de sobremesa de cúrcuma em pó

Pimenta do reino, páprica picante e sal rosa do Himalaia a gosto.

 

Em uma panela acrescente o azeite, o dente de alho inteiro e a cebola em cubos, seguido dos temperos. Doure levemente, adicione a abóbora e o caldo de legumes. Deixe cozinhar até a abóbora ficar macia. Retire do fogo e bata no liquidificador até virar um creme liso e homogêneo. Atenção! Se o seu aparelho tiver copo de plástico, espere a sopa esfriar antes de bater. Finalize com as sementes tostadas.

Sementes tostadas:

 1 xícara de sementes verdes de abóbora

1 colher de sopa de sementes de linhaça

1 colher de sopa de azeite

1 colher de café de alho em pó

1 colher de café de cebola em pó

Sal rosa da Himalaia e páprica picante a gosto. Misture tudo em um bowl, passe para uma assadeira e leve ao forno médio por aproximadamente 10 minutos (até tostar).

 

 .

 

 

 

Nutre Alimentação Saudável de cara nova, com novas embalagens e opções variadas de cardápios, experimentem!!

A Nutre Alimentação Saudável está de cara nova, com novas opções de cardápios em que você pode montar da forma que preferir e ainda com novos horários de entregas, já experimentou? Eu recomendo!

Pedidos via whatsapp: (19)984532112

Nutre Marmitaria Saudável está de volta com os Caldos para estação de inverno!

O frio voltou e com ele os queridinhos CALDOS também: Canja com arroz integral, mandioquinha cremosa com couve manteiga e abóbora cabotiá cremosa com carne seca e tudo sem fritura, sem conservantes, com temperos naturais e com supervisão da nossa nutricionista.

Encomendas nos telefones: (19)984532112 ou (19)999056311

 

 

Nutre Alimentação Saudável cuidando da sua alimentação enquanto você faz o que gosta nessas férias, confiram cardápios!

Nutre Alimentação Saudável cuidando da sua alimentação enquanto você faz o que gosta nessas férias!