A forma certa de lavar o rosto para quem tem pele oleosa, seca ou sensível, dicas do Blog The Body Shop

Cuidar da pele é muito importante, independentemente de qual tipo seja a sua. E em qualquer ritual de beleza, a limpeza é sempre o primeiro passo. Mas você sabia que existe uma forma correta de lavar o rosto para favorecer cada tipo de pele? Seja seca, oleosa ou sensível, cada uma tem suas particularidades e precisa de cuidados específicos para ficar linda e saudável. Então vem aprender com a gente a forma certa de lavar seu rosto! 

shutterstock_440166898.jpg

1) PRODUTOS NATURAIS E ATÉ TOALHAS ESPECÍFICAS PARA PELES SENSÍVEIS

As peles sensíveis tem uma maior tendência a apresentes vermelhidão  ou alergias, por isso muita gente tem medo de experimentar coisa novas, mas anota aí um segredo: elas só precisam que os produtos sejam bem suaves. Opte por sabonetes hipoalergênicos e priorize sempre ingredientes naturais, principalmente os de efeito calmante – como a camomila e o aloe vera. Como a limpeza pode retirar a camada de proteção que é fundamental para esse tipo de pele, é importante repor isso com um hidratante bem leve logo depois de lavar. Use sempre água fria, já que a água quente pode aumentar a vermelhidão que esse tipo de pele costuma ter. Além disso, não é indicado esfregar a pele – nem na hora da limpeza, nem com a toalha: prefira toalhas macias e seque o rosto com suavidade – você vai ver a diferença em poucos dias.

2) PELES OLEOSAS PEDEM UMA LIMPEZA PROFUNDA, MAS SEM EXCESSOS

É preciso limpar bem as peles oleosas, já que as impurezas acumuladas podem obstruir os poros e causar acne - comum em pessoas que produzem muito óleo. O ideal é lavar o rosto apenas duas vezes ao dia, já que lavar demais pode causar o efeito rebote, ou seja: a pele perde todo o seu óleo e as glândulas sebáceas se esforçam para repor, aumentando ainda mais a oleosidade. Utilize um gel de limpeza e prefira sempre a água fria: a quente nunca é uma boa ideia e, nesse caso, também faz sua pele ressecar e produzir mais óleo. O ácido salicílico e o enxofre são componentes muito indicados para o controle do brilho nas peles oleosas, já que têm propriedades secativas e anti-inflamatórias. Esses ingredientes podem estar presentes na limpeza ou esfoliação – que deve ser feita uma ou duas vezes por semana, para uma limpeza mais profunda e para retirar as células mortas.

shutterstock_586967096.jpg

3) AS PELES SECAS PRECISAM DE LIMPEZA COM HIDRATAÇÃO

As peles secas também precisam de limpeza diária, que pode ser feita uma ou duas vezes por dia. Para isso, o ideal é usar um sabonete próprio para esse tipo de pele, que é mais leve e já começa a hidratar. Esfregar demais o rosto durante a lavagem também pode ser prejudicial. Além disso, é fundamental usar um hidratante cada vez que lavar o rosto. O ácido hialurônico, a ureia e substâncias antioxidantes – como a vitamina E – são grandes aliados de quem quer combater o ressecamento da pele. Por isso, dê preferência aos hidratantes e esfoliantes que contenham esses componentes.

Além dos produtos específicos para os cuidados com a pele, não se esqueça que a alimentação balanceada e a hidratação – através do consumo de água – são fundamentais para manter a saúde do seu corpo e pele.

Fonte: https://www.thebodyshop.com.br/beleza-do-mundo/forma-certa-de-lavar-o-rosto-para-quem-tem-pele-oleosa-seca-ou-sensivel-descubra-se-voce-esta-errando/?utm_source=Facebook&utm_medium=post-tbs-wb&utm_campaign=forma-certa-de-lavar-o-rosto-para-quem-tem-pele-oleosa-seca-ou-sensivel-descubra-se-voce-esta-errando

Dicas de filmes e livros por Luciana Andrade - Filme (Time to heal) e Livro (O apanhador no campo de centeio)

Dica de filme - Time to heal

Dica de livro - O apanhador no campo de centeio

Sinopse

"Originalmente publicado em 1951, "O Apanhador no Campo de Centeio" (Editora do Autor), único romance de J.D. Salinger, funcionou como uma bomba de efeito retardado, pois só alcançou o sucesso de público anos depois, apesar de bem recebido pela crítica.

O encantamento do volume está na forma e no tom com que o protagonista, o adolescente Holden Caufield, narra as aventuras pela estrada até as ruas noturnas de Nova York. A viagem não é apenas externa, mas, principalmente, pelo interior do jovem em um período crucial do desenvolvimento, que separa a meninice da idade adulta.

Este romance é famoso pela acusação infundada de estimular o comportamento psicótico nos jovens. Entrou para a lista dos cem melhores livros do século 20, resultado de votação organizada pelo caderno "Mais!" da Folha em 1999".

Fonte: http://livraria.folha.com.br/livros/estados-unidos/apanhador-campo-centeio-j-d-salinger-1023122.html

Luciana Andrade

Coluna Dica de Livros e Filmes

Bibliotecária e Psicologa formada há alguns anos.. Atua na área de psicologia com consultório e no SOS Ação mulher e família como Psicologa voluntária . Cursou biblioteconomia por adorar os livros e assim ficou conhecendo mais profundamente a história literária. Através de filmes e livros consegue entrar em mundos reais, imaginários , fantásticos o que deixa o coração e a mente livres para conhecer , acreditar e principalmente sonhar.

Impressões da Collection Karl Lagerfeld para Riachuelo - Coluna Blogs que indico por Fer Mello

Dia 27/04/16, quarta-feira, ocorreu o lançamento nacional da Collection de Karl Lagerfeld para Riachuelo.

A parceria foi anunciada em janeiro e as fashionistas de todos o país estavam ansiosas para adquirir as peças com design de Karl, que é diretor criativo das grifes Chanel e Fendi.

A coleção conta com peças de R$ 49,90 a R$ 399,90, totalizando 75 itens.

A parceria agrada a todos os gostos, das mais conservadoras às fashionistas. As peças em tweed remetem aos clássicos da Chanel, já os acessórios com a estampa da gatinha Choupette trazem diversão aos looks. Outro item que chama atenção são as peças estampadas com o perfil de Karl, formando um "pied de poule" bem original.

Só achei sem graça as peças em animal print em fundo colorido, faltou criatividade, Karl Lagerfeld!

Como boa consumidora consumista que sou, fui uma das primeiras a entrar na loja e não fiquei decepcionada! Não é todo dia que podemos comprar produtos com design de grifes tão imponentes por preços tão amigos!

Fernanda Mello

Coluna Blogs que indico

Formada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, pós graduada em Direito Civil e Processo Civil pela Universidade Católica Dom Bosco. Atualmente, concilia a advocacia com sua paixão pelo universo fashion. Blog Novos Trinta - http://novostrinta.blogspot.com.br/

 

 

 

Economizado na make - Coluna Blogs que eu indico por Fer Mello (Blog Novos Trinta)

Economizando na make

 O fato é que precisava de um primer (uso o the POREfessional), mas quando fui ao Shopping e vi o preço, fiquei meio desanimada. 

Produto: creme pré-maquiagem the POREfessional

Marca: Benefit Cosmetics

Quantidade de produto: 22 mL

Valor: R$ 159,00


Resolvi andar mais um pouco e entrei na "quem disse, berenice?". Testei os produtos na loja e gostei de tudo, principalmente dos preços! Fiz a festa, por R$ 135,70, levei três produtos: primer facial, primer para olhos e pó translúcido

Produto: primer olhos

Marca: quem disse, berenice?

Quantidade: 3,2 g

Valor: R$ 29,90


Produto: primer insta matte 

Marca: quem disse, berenice?

Quantidade de produto: 30 mL

Valor: R$ 49,90


Produto: pó translúcido antibrilho

Marca: quem disse, berenice?

Quantidade: 4,5 g

Valor: R$ 55,90


Vale apostar nos produtos nacionais que são ótimos e custam menos! Fica a dica!

Fernanda Mello

Blogs que indico

Formada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, pós graduada em Direito Civil e Processo Civil pela Universidade Católica Dom Bosco. Atualmente, concilia a advocacia com sua paixão pelo universo fashion. Blog Novos Trinta - http://novostrinta.blogspot.com.br/

 

Como faço para vender meu produto? Coluna Empreendedorismo por Tatiana Garcia

Muita gente me pergunta: como faço para abrir o meu negócio? Uma dúvida frequente, não é verdade? Provavelmente você ou alguém que você conhece já teve essa mesma dúvida. Ela vem logo depois de uma boa ideia. Normalmente, esses futuros empreendedores tem um excelente produto ou serviço em mãos, e só querem saber “como” faz para vende-lo. A minha sugestão é voltar um pouquinho, afinal eu acredito que aquilo que é de fato muito bom não precisa de tanto esforço para vender.

 

E como saber se o seu produto ou serviço é muito bom? Um produto só é bom quando o seu cliente também o acha bom. E é exatamente esse gancho que alguns empreendedores esquecem de fazer. Muitas vezes já saem para o mercado com a certeza de que irão vender. Aí que mora o perigo, muitos produtos são bons apenas do ponto de vista de quem o criou e não de quem irá usá-lo. É o caso daquelas roupas que são lindas, tem um excelente preço e quando você veste, começa a se coçar inteiro... porque o material não é confortável. Pois é, para diminuir esse espaço entre a necessidade do cliente x produto/serviço eu costumo fazer as seguintes perguntas:

           

1.      Quais são as reais necessidades dos meus clientes? (O que eles precisam)

2.      O que eles não querem e não gostam de jeito nenhum? (Seus problemas atuais)

3.      Quanto eles estariam dispostos a pagar pelo meu produto?

4.      Quanto eles de fato têm para pagar?

5.      O que meus clientes fazem e onde eles costumar ir?

6.      Do que eles gostam e o que eles usam? (Comportamento)

7.      Como está o mercado ao redor deles? (Influências que recebem)

 

Com essas perguntas conseguimos traçar melhor suas estratégias de venda e muitas vezes adaptar o produto. Por exemplo, quando perguntamos quais são as influências que os clientes recebem, detectamos às vezes que a internet tem uma forte influência no consumo, isso faz com que refletimos ser de fato precisamos vender o produto em loja física. Outro bom exemplo é quando você quer vender um sapato porque sabe que está sendo usado no mundo todo por celebridades, além do sapato ser lindo e barato. Mas ao analisar o cliente percebe uma forte tendência de sapatos feitos de borracha. Você então adapta seu produto mudando apenas o material.

 

Existem inúmeros exemplos de benefícios ao estudar o cliente antes de lançar seu produto. Muitas vezes isso irá tomar apenas uma semana a mais no seu projeto, porém o ganho é infinitamente maior. Pensar no cliente antes de pensar no produto é uma das grandes sacadas das empresas de sucesso. E lembre-se: mesmo fazendo todo esse estudo, ainda correrá o risco do produto não ser o ideal. Porém, somente irá perceber isso quando o lançar no mercado. Tenha sempre em mente que a sua versão original poderá ser adaptada inúmeras vezes até chegar no ideal; e quando você chegar no ideal, provavelmente o mercado já irá ter mudado. Por isso, adaptação e flexibilidade são duas das principais características de um bom empreendedor.

Tatiana Garcia

Coluna Empreendedorismo

Formada em Administração de Empresas com Ênfase em Marketing (ESAMC), MBA Executivo em Gerenciamento de Projetos (FGV), MBA Internacional em Gestão Negócios (OHIO), Apoiadora do Curso de Liderança e Comunicação de Alta Performance Master Mind; ela hoje tem uma experiência em 10 anos em Finanças no Brasil e na Austrália, onde ocupou uma vaga em Gerente de Projetos no State Street of Boston. Especialista em Franchising, ela abriu sua própria empresa que promove um novo conceito para ajudar os empresários brasileiros a melhorarem seus resultados, ter uma equipe mais engajada e a inovar.Email: franquias.mb@gmail.com