Receita de Tartar de Avocado - Coluna Gastronomia por Chef Alê Lembo

Certamente você se deparou com a opção de Steak Tartar em menus de vários restaurantes, afinal, ele se difundiu por aqui e conquistou o paladar dos brasileiros.  

 Também conhecido por tartare, a receita tem origem atribuída aos tártaros, povo nômade da Ásia Central que vivia sobre os lombos de seus cavalos e ali armazenava mantimentos e os comia. Há existem registros da crença de que a força dos tártaros, liderados por Átila, rei dos Hunos, vinha da ingestão de carne crua, o que ajudou a difundir o prato. Durante o processo de expansão do império Huno, o steak tartare chegou a França e ganhou novos elementos, transformando a receita no que ela é hoje, a base de carne bovina magra crua, muito bem temperada.

A ideia do tartar é tão atraente, que a carne e seus temperos deram espaço para inúmeras variações, incluindo legumes, peixes e frutas, todos crus, agradando assim aos mais diversos paladares. E não limite um tartar a um molde circular. Embora essa seja a apresentação mais comum, ele pode ser servido de outras formas, incluindo essa sugestão.

 A receita do tartar de avocado ou abacate é uma opção de aperitivo rica em gorduras boas, prática, leve, linda, deliciosa e surpreendente!

tartar avocado.jpg

 Ingredientes:

 2 avocados

Suco de 1 limão

Sal rosa da Himalaia, cúrcuma, pimenta do reino e páprica picante a gosto

3 colheres de sopa de azeite extravirgem

½ cebola roxa

1 tomate médio

Chips de batata doce

Chips de couve kale para finalizar

 Modo de preparo: Corte os avocados ou o abacate em cubos pequenos, coloque-os em um bowl e tempere com sal rosa, pimenta do reino, cúrcuma e páprica picante a gosto. Acrescente o azeite e o suco de limão. Pique o tomate em cubos e a cebola em pedaços bem pequenos. Reserve.

 Montagem: Coloque uma colher de avocado ou abacate (escorra o líquido antes) sobre os chips de batata doce, e por cima acrescente um pouco de cebola roxa.  Em seguida, coloque uma colher de café de tomate picado e salpique uma pitada de sal rosa do Himalaia.

Finalize a montagem colocando um pouco de chips de kale (que você encontra em lojas de produtos naturais) sobre os tomates.

 Você pode alterar a montagem servindo em um prato, moldando o avocado com a ajuda de um aro e servindo os chips de batata doce ao redor.

 Nessa mesma receita, sugiro o acréscimo de salmão ou atum crus, em cubos misturados ao avocado e tomate, para uma entrada irresistível.

foto+chef+Ale.jpg

 Alê Lembo

Coluna Gastronomia

Alessandra Lembo Nogueira, a chef Alê, é cozinheira profissional e especialista em alta gastronomia pelo IGA Campinas, com curso de Cuisine pelo Le Cordon Bleu Paris. Trabalha como personal chef e é idealizadora e fundadora da marca Fit Me Saudável e Funcional, uma empresa especializada em produtos Fit, Low Carb e Veganos, sem glúten, sem lactose, livres de açúcar refinado e gordura trans.  Atua como chef consultora e com desenvolvimento de cardápios especializados e personalizados, ministra workshops em diversos locais da cidade de Campinas e região.

 

 

 

Receita de salada com hortaliças e legumes assados - Coluna Gastronomia por Chef Alê Lembo

Coma mais salada!

salad-2655893_960_720.jpg

 Você tem o hábito de ingerir um prato de salada nas refeições? Se a sua resposta foi “não”, eu te convido a comer mais salada! Sempre que você associa um prato de salada às refeições com carboidratos, por exemplo, você diminui a velocidade de absorção dos açúcares o que é ótimo para o emagrecimento e também para o controle de doenças como o diabetes.

O consumo diário de saladas faz com que o corpo se revista de altas doses de vitaminas, sais minerais e fibras, o que auxilia no bom funcionamento do organismo, além de proporcionar excelente hidratação, pois as folhas possuem alto teor de água.

Salada.jpg

E se você tem o perfil de somente consumir saladas com molhos, cuidado! Os industrializados podem ser grandes vilões, transformando o prato em uma bomba de sódio e gorduras. Na dúvida, na hora de temperar, dê preferência ao azeite e ao limão, uma vez que a fruta é rica em vitamina C, ajudando na absorção de ferro.

Em breve trarei diversas opções de molhos saudáveis, funcionais e deliciosos para tornar a sua salada mais atraente, mas hoje, vou te ensinar a montar uma salada incrível com hortaliças e legumes assados:

Ingredientes:

 Alface americana

Rúcula

Acelga

Ramos de Alecrim

Ramos de Tomilho

2 Beterrabas orgânicas em cubos

1 caixinha de chá de Tomate grape cortados ao meio

Azeite de oliva

Sal rosa do Himalaia a gosto

1 colher de sopa de vinagre balsâmico

3 colheres de sopa de néctar de coco ou melado ou agave

½ xícara de chá de amêndoas laminadas levemente tostadas em frigideira

Queijo de cabra em lascas

 

Higienize adequadamente as folhas, o tomate cereja e a beterraba. Descasque e corte a beterraba em pequenos cubos, disponha em uma assadeira e tempere com o sal, o azeite e o alecrim. Leve para o forno.

Corte os tomates ao meio e leve para assar com as folhas de tomilho, sal e azeite em outra forma. Ambos a 160/180° C por 30-40 minutos.

Seque as folhas verdes com o auxilio de uma centrifuga ou papel toalha e rasque com as mãos para que não murchem. Coloque-as em uma saladeira.

Distribua os legumes assados sobre as folhas, adicione pedaços de queijo de cabra e finalize colocando o néctar de coco, azeite de oliva e por último as castanhas. Sirva.

foto+chef+Ale.jpg

Alê Lembo

Coluna Gastronomia

Alessandra Lembo Nogueira, a chef Alê, é cozinheira profissional e especialista em alta gastronomia pelo IGA Campinas, com curso de Cuisine pelo Le Cordon Bleu Paris. Trabalha como personal chef e é idealizadora e fundadora da marca Fit Me Saudável e Funcional, uma empresa especializada em produtos Fit, Low Carb e Veganos, sem glúten, sem lactose, livres de açúcar refinado e gordura trans.  Atua como chef consultora e com desenvolvimento de cardápios especializados e personalizados, ministra workshops em diversos locais da cidade de Campinas e região.

 

 

 

Brunch Weekend começa neste sábado (6) em São Paulo

Casas da capital fazem um menu especial que mescla café da manhã e almoço por R$ 59,00

cha-cha2.jpeg

Oções do bunch do Cha Cha (Mario Rodrigues/Divulgação)

Brunch Weekend está de volta. O festival, que começa no sábado (6), rola em 25 endereços da capital durante os fins de semana do mês. É quando as casas participantes servem menus especiais de brunch, refeição que mescla café da manhã e almoço, por R$ 59,00, com direito a um drinque.

O combinado do variado Cha Cha, em cartaz entre 8h30 e 16h, pode incluir ostras, ovo mollet com fritas e presunto cru mais uma miniesfera de chocolate. Para beber, há mimosa (espumante com suco de laranja).

duasterezas0003.jpg

Combo brasileiro: torta de milho com queijo e requeijão e bolo de fubá, no Duas Terezas (Mario Rodrigues/Divulgação)

No Duas Terezas, entre 10h e 15h, há dois tipos de combo: o brasileiro, que traz opções como torta de milho com queijo e requeijão e bolo de fubá, e o italiano, com piadina de ovo mexido e sanduíche de queijo de minas e molho de tomate.

Uma das sugestões de coquetel é o mix de cerveja de trigo com suco de laranja.

Fonte: https://vejasp.abril.com.br/comida-bebida/brunch-weekend/?fbclid=IwAR3qmaCgh3q40PYYx3iGXa4QdQT7CHfRBocGYHv217Ix7zL7AUzn4j5R2J4


Receita de Arroz de Couve Flor com Bacalhau - Coluna Gastronomia por Chef Alê Lembo

A Páscoa chegou!!!

Arroz de Couve Flor.jpg

Tempo de celebrar a vida e união ao lado das pessoas que mais amamos. Também é um período para degustarmos alguns pratos típicos, que não podem ficar de fora do cardápio, como o bacalhau, além do tradicional ovo de chocolate (funcional, hein?! Há excelentes opções no mercado).

E você sabe a origem do costume de consumir o bacalhau na Páscoa?

Na época da Idade Média, os cristãos deveriam obedecer aos dias de jejum, excluindo de sua dieta as carnes “quentes”. O bacalhau era considerado uma carne “fria” e seu consumo incentivado pelos comerciantes.  O rigoroso calendário de jejum foi aos poucos sendo desfeito, mas a tradição do bacalhau se mantém forte, ainda hoje, principalmente nos países de língua portuguesa.

E se você vai preparar o seu tradicional bacalhau em grande quantidade e quer uma dica espetacular e de baixo carboidrato para aproveitar o que sobrou (sem transformar em bolinho), ou pretende comprar uma quantidade pequena e fazer um prato diferente, segue uma receita deliciosa de Arroz de Couve Flor com Bacalhau.

Tenho certeza que irá surpreender os seus familiares e amigos no almoço de domingo:

Ingredientes:

1 couve flor média

2 colheres de sopa cebola picada

1 colher de sopa de azeite ou óleo de coco

Sal rosa do Himalaia, pimenta do reino, páprica picante e cúrcuma a gosto.

300g de bacalhau cozido e desfiado.

50g de azeitonas pretas

Amêndoas laminadas para finalizar.

 

Modo de preparo:

Higienize corretamente a couve-flor, lavando em água corrente e colocando de molho em solução de hipoclorito de sódio a 2,5% por 15 minutos.

Separe a couve flor inteira em pedaços pequenos, e coloque aos poucos no processador. Processe a couve flor até que ela fique granulada.
Em uma panela antiaderente em fogo baixo, coloque o azeite ou o óleo de coco e refogue a cebola até ficar levemente dourada. Adicione a couve-flor processada, tempere com sal, pimenta e cúrcuma a gosto e refogue por cerca de 5 minutos, mexendo sempre para não queimar. Acrescente o bacalhau desfiado e as azeitonas picadas.

Desligue o fogo. Finalize com amêndoas laminadas e sirva.

foto+chef+Ale.jpg

Alê Lembo

Coluna Gastronomia

Alessandra Lembo Nogueira, a chef Alê, é cozinheira profissional e especialista em alta gastronomia pelo IGA Campinas, com curso de Cuisine pelo Le Cordon Bleu Paris. Trabalha como personal chef e é idealizadora e fundadora da marca Fit Me Saudável e Funcional, uma empresa especializada em produtos Fit, Low Carb e Veganos, sem glúten, sem lactose, livres de açúcar refinado e gordura trans.  Atua como chef consultora e com desenvolvimento de cardápios especializados e personalizados, ministra workshops em diversos locais da cidade de Campinas e região.

 

 

 

 

Limonada de Lavanda, a bebida que melhora a ansiedade e o estresse

A lavanda tem muitos benefícios para a saúde. Para explorar isso, você pode utilizar o óleo essencial ou a flor.

O óleo de lavanda é um excelente anti-inflamatório, antifúngico, antidepressivo, anti-séptico, antibacteriano, antimicrobiano, antiespasmódico, analgésico, desintoxicante, hipotensivo e sedativo! WOW!

E hoje eu resolvi trazer para vocês uma ótima maneira de aproveitar estas propriedades, criando uma bebida linda capaz de melhorar principalmente dores de cabeça e os sintomas de ansiedade e estresse. Vamos lá?

lavanda-696x365.jpg

Você vai precisar de:

1 xícara de mel cru
5 xícaras de água pura
1/4 xícara de lavanda seca orgânica ou 1 gota de óleo essencial de lavanda
6 limões descascados
alguns raminhos de lavanda para enfeitar e deixar sua bebida mais linda!

Depois que os ingredientes estiverem reunidos, despeje metade da água em uma panela e leve para ferver, em seguida, retire do fogo. Adicione o mel seco e lavanda e deixe em infusão por 20 minutos, ou adicione a gota de óleo essencial de lavanda. Depois disso, coe a mistura e despeje em um recipiente maior, adicione o suco de limão e a outra metade da água. Mexa e leve à geladeira. Quando estiver pronto para servir, decore o jarro ou copos com alguns raminhos de lavanda.

A bebida fica linda, e você fica bem mais tranquilo. Que tal experimentar?

Fonte: https://www.fasdapsicanalise.com.br/limonada-de-lavanda-a-bebida-que-melhora-a-ansiedade-e-o-estresse/?fbclid=IwAR3ODyWuL0cp95eoDYjNi-eD6B1mh1nmoRCwp8u1epdVQuXR7Zp9ubKU8kA