Bala “7 Belo” vira sorvete - Coluna Entretenimento por Milena Baracat

A Arcor do Brasil - empresa de alimentos que está entre as líderes brasileiras em doces -  em parceria com a LOS LOS - uma das marcas pioneiras no mercado de paletas no país - criaram o primeiro sorvete da famosa bala “7 Belo”: uma minipaleta de 65g, com o tradicional aroma de framboesa e base de leite.

foto 1.jpg

Uma experiência única de consumo: gostinho de infância em forma de paleta!

foto 2.png


Fonte: publicitarioscriativos.com / santaportal.com.br

Fotos Reprodução.

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

Restaurante aceita seguidores no Instagram como pagamento - Coluna Entretenimento por Milena Baracat

Imagina entrar em um restaurante e logo na entrada, em vez da tradicional placa de “aceita-se ticket”, tem a inusitada “aceita-se seguidores”?

foto 1.jpg

 Isso já é possível, mas só pra quem estiver em Milão, Itália, mais precisamente na via Lazzaro Papi, onde, recentemente, foi inaugurado um restaurante especializado em gastronomia japonesa, que aceita como método de pagamento o “número seguidores no Instagram”.

foto 2.jpg

Idealizado pelos irmãos e empresários Matteo e Tommaso Pittarello, que criaram em 2007 a rede “This is not a sushi bar” (hoje com seis lojas pela Itália), o novo restaurante oferece pratos e refeições gratuitamente de acordo com o número de seguidores que o cliente tiver no Instagram.

"Queremos que o cliente brinque conosco e se sinta parte do nosso projeto", disseram os empresários, em entrevista à imprensa italiana. O objetivo do empreendimento é atrair digital influencers de grande porte. "É claro que, para nós, o retorno será todo em publicidade. Recebemos o 'pagamento' com a visibilidade nas redes sociais", acrescentaram os irmãos.

foto 3.jpg

Na prática funciona assim: o cliente faz o pedido de um prato, tira uma foto no local e publica a imagem em sua conta no Instagram com #thisisnotasushibar e @thisisnotasushibar para ter direito a 1 ou mais pratos oferecidos, com base em seus seguidores.

De 1.000 a 5.000 seguidores obterão um prato grátis. De 5.000 a 10.000, conseguirão dois pratos grátis; de 10.000 a 50.000, quatro; de 50.000 a 100.000, oito, e os que tiverem mais de 100.000 seguidores, poderão comer de graça.

foto 4.jpg

“Hoje em dia os melhores patrocinadores estão nas redes sociais, principalmente no Instagram”, explicam os irmãos.

Sem dúvida que, com essa iniciativa, o restaurante terá uma grande visibilidade e tudo graças à publicidade dos próprios clientes.

 

Fotos Reprodução: This Is Not a Sushibar/Facebook

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

Momento coração está fortíssimo! Coluna Entretenimento por Milena Baracat

Brinco de coração não é nenhuma novidade, mas a estilista Alessandra Rich apresentou na sua coleção Primavera / Verão 2018 esse brinco de coração com strass e pérola, inspirado nos anos 80, que rapidamente se tornou tão famoso quanto seus vestidos elegantes.

foto 1.png

A primeira a chamar a atenção foi a modelo e DJ, Harley Viera-Newton, que usou um par combinado com um vestido Valentino no seu casamento.

foto 2.jpg
foto 3.jpg

(Harley Vieira-Newton. Foto Reprodução: Amanda Jasnowski Pascual/Vogue.com)

Depois, foi a vez de Caroline Daur (uma das bloggers e fashionistas mais influentes da Alemanha), da diretora de moda da Net-a-Porter, Lisa Aiken, e da Fundadora do blogue The Fashion Guitar, a holandesa Charlotte Groeneveld, adotarem o estilo brincalhão e cheio de brilho. Pronto! Começou assim a obsessão e ascensão ao status cult dos brincos de Alessandra Rich por toda a Europa.



foto 4.jpg

(Caroline Daur. Foto: Christian Vierig/Getty Images)

foto 5.jpg

(Charlotte Groeneveld. Foto: The Fashion Guitar)

foto 6.jpg

(Lisa Aiken.Foto: @LISA.AIKEN)

O coração de Alessandra fez tanto sucesso, que a inspirou a expandir seu repertório, como o cinto usado recentemente pela modelo escocesa, Emma Louise Connolly, no casamento da princesa Eugenie.



foto 7.jpg

Da Europa para o mundo! Pode apostar que não vai demorar para ser trend por aqui também. Confira alguns outros estilos de muitos designers que pegaram a onda do sucesso do coração, que vai desde uma versão estrutural até uma versão romântica e frisada. Escolha o seu:

foto 8.png
foto 9.png
foto 10.png

Fonte: luxurylondon / whowhatwear. / fashionista / pinterest

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

Etiqueta à mesa japonesa - Coluna Entretenimento por Milena Baracat

O jornal britânico, The Independent, pediu aos melhores chefes de cozinha japonesa apontarem os piores erros que se pode cometer no jeito de comer a culinária nipônica.

Algumas gafes, aliás, são muito recorrentes aqui no Brasil.

foto 1.png

(Foto Reprodução :blogdeclara. Restaurante DJAPA)

SUSHI/SASHIMI

O maior erro é a famosa “piscininha de shoyu”. Cheia de wasabi (raiz forte) diluída então, é a visão do apocalipse para o sushiman!

FOTO 2.jpg


O shoyu deve ser usado com parcimônia e o wasabi aplicado apenas sobre a peça a ser comida. O ideal é que no final da refeição, o pratinho de shoyu esteja tão limpo quanto antes de ser usado.


FOTO 3.jpg

 Quando for comer, molhe levemente o peixe do sushi no shoyu. J-A-M-A-I-S encharque o arroz com ele. Coloque de uma vez só na boca. Nada de morder no meio. Sushi não é coxinha!

BARCO PARA SUSHI

Os barcos para sushis vêm repletos de enfeites de pepinos, nabos e cenoura além de folhas de shissô intercalando fatias de peixe. Pode parecer só decorativo, mas há uma grande finalidade: eles ajudam a regularizar os índices de ácido úrico que a ingestão de peixes provoca no organismo, principalmente o pepino e o nabo. Já as folhas de shissô são alcalinizantes e possuem ação antisséptica, o que é bastante desejável em se tratando da ingestão de alimentos crus.

FOTO 4.jpg


HASHI

Já viu gente esfregando um hashi no outro após tirar da embalagem como se estivesse afiando uma faca? Isso também é horrível. Indica que você considera o hashi daquele restaurante de baixa qualidade.

FOTO 5.jpg

GENGIBRE (Gari)

O gari foi pensado para “purificar o paladar” entre um prato e outro, além de aguçar os sentidos para que o próximo alimento seja bem recebido pelo corpo.

FOTO 6.jpg

Ele serve tanto para auxiliar a digestão quanto para limpar o paladar, portanto, não se deve temperar o shoyu com ele ou comer junto com o sushi, como muitos fazem. Seu consumo deve ser feito puro e entre um prato e outro.

FOTO 7.jpg
FOTO 8.jpg

 Fotos Reprodução: Google. Fonte: The Independent / Sushi Locco

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

Remake de "Pet Sematary” - Coluna Entretenimento por Milena Baracat

O remake de " Pet Sematary" (no Brasil, 'O Cemitério Maldito'), já saiu do túmulo e chegará aos cinemas em abril de 2019, através da Paramount Pictures.

“Às vezes a morte é melhor”

FOTO 1.jpg

A trama, uma das mais conhecidas do gênio Stephen King, ganhou uma adaptação no cinema em 1989, que foi sucesso absoluto de bilheteria e ainda trouxe os Ramones em sua trilha sonora com “Sheena is a Punk Rocker” e “Pet Sematary”. Ao que tudo indica, segundo comentários dos diretores da nova adaptação, Kevin Kolsch e Dennis Widmyer, o remake manterá a sua atmosfera clássica.



foto 2.jpg

“Nós somos fãs de Stephen King, do livro e do filme original, então nós queríamos que fosse respeitoso. Nós trabalhamos com o roteirista para tentar fazer o roteiro ficar mais fiel ao livro do que o filme original.” (Kevin Kolsch e Dennis Widmyer)

“Esse filme será sombrio. Essa é uma história que King colocou em pausa por quase um ano, porque ele estava perturbado pelo que havia escrito. Esse é o filme que queríamos fazer. Será muito emocional, enraizado em seu terror e irá testar os limites. Não é um filme típico de grandes estúdios.” (Kevin Kolsch e Dennis Widmyer)

foto 3.jpg
foto 4.jpg
foto 5.png
foto 6.jpg

Na história, uma família que se muda para uma casa à beira da estrada tem seu gato de estimação atropelado por um caminhão. A família, então, o enterra em um antigo cemitério indígena, próximo à residência, que tem poderes místicos. Depois de pouco tempo, o gato reaparece como se nada tivesse acontecido, iniciando uma reação em cadeia perigosa, que liberta um inexplicável mal com consequências terríveis.

Confira o trailer:

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

Aos 89 anos, indiana conquista o mundo com loja virtual de bolsas

Nunca é tarde demais para seguir a carreira dos sonhos!

Com a ajuda de seu neto, a indiana de 89 anos, Latika Chakraborty, lançou um site para vender suas bolsas feitas à mão e se tornou um sucesso internacional (conquistou um público da Alemanha à Nova Zelândia).

foto 1.jpg

Tudo começou por conta do trabalho de seu marido, que precisava viajar para diferentes cidades a trabalho e ela o acompanhava. Em sua jornada por toda a Índia, começou a colecionar tecidos (saris e kurtas) e transformá-los em bolsas como forma de se desestressar.

foto 2.jpg
foto 3.jpg

Latika oferecia as peças para seus amigos e familiares até que seu neto teve a ideia de criar o site que bombou na internet. Até o momento ela já fez cerca de 300 bolsas.

foto 4.png

As bolsas da Latika’s Bags são vendidas a preços que variam entre R$ 32 a R$ 48. Além dos tecidos exclusivos, outro diferencial da sua marca é que as bolsas têm nomes - Latika dá nome para cada uma delas - fazendo o cliente se sentir mais ‘íntimo’ da senhorinha. Que fofa!

foto 5.jpg
foto 6.jpg
foto 7.jpg

Dá uma espiadinha no site da Latika’s Bags e faça sua encomenda.

https://www.latikasbags.com/

 

Fonte: Latika’s Bags.com / Negócios & Empresas / Uol / Razões pra acreditar.

Fotos / Reprodução

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.

YouTube lança seu primeiro streaming de música - Coluna Entretenimento por Milena Baracat

O YouTube Music chegou oficialmente ao Brasil no final de setembro. O serviço é a nova aposta do Google para ganhar espaço no disputado setor de streaming de música, dominado hoje pelo Spotify e Apple Music.

foto 1.jpg

Assim como seus concorrentes, o serviço agrega álbuns oficiais, singles, remixes, covers e apresentações ao vivo, mas aposta no amplo catálogo de vídeos que possui, além de recursos apoiados na inteligência de dados do Google, para se diferenciar de outras ofertas disponíveis.

foto 2.jpg

Uma das promessas do YouTube Music é uma busca inteligente, que deve facilitar a vida do usuário na hora de procurar por músicas e artistas desejados, até quando você não se lembra exatamente o nome que está procurando.

foto 3.png

São duas versões: gratuito ou por assinatura mensal:

-Gratuito: o usuário tem acesso ao serviço, mas com algumas restrições, como o bloqueio da reprodução de músicas quando o aplicativo estiver rodando em segundo plano. O formato também é sustentado por anúncios.

-Assinatura: conhecido como YouTube Music Premium, o serviço custa R$ 16,90 mensais. Nesse formato o aplicativo pode ser rodado em segundo plano, não traz anúncios e permite o download ilimitado de músicas.

O serviço também conta com um pacote família, que chega com avaliação gratuita de um mês e R$ 25,50 por mês a partir do segundo. O formato permite até seis perfis de uma mesma família no YouTube Music.

Vale ressaltar que assinantes do Google Play Música em todos países receberão automaticamente o acesso ao YouTube Music Premium. O Google Play Música continuará ativo e usuários ainda poderão acessar suas playlists e músicas compradas no serviço.


foto 4.png

YouTube Premium

Além do YouTube Music, chega ao Brasil, a assinatura Premium da plataforma de vídeos do Google, que substitui o antigo YouTube Red.

O YouTube Premium custa R$ 20,90 por mês e inclui a assinatura do YouTube Music em seu pacote.

Além do Music, usuários Premium do YouTube podem assistir vídeos sem anúncios, fazer download de vídeos, reproduzir vídeos em segundo plano com a assinatura e acessar conteúdo do YouTube Originals.

Fonte: YouTube / Adnews / Créditos: The Enemy. Fotos: Reprodução.

Milena.jpg

Milena Baracat

Coluna Entretenimento

Coluna Esportes

Formada em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). Atualmente presta assessoria ao Site Raquel Baracat.